Trump sobre a crise na fronteira: “Eles vão destruir nosso país”

0
Foto Joe Raedle/Getty Images

Os Estados Unidos agora estão a caminho de encontrar o maior número de imigrantes ilegais na fronteira sul em 20 anos

Por Ivan Pentchoukov

O ex-presidente dos EUA, Donald Trump, condenou na terça-feira (16) a agenda de fronteira do presidente Joe Biden, alertando que a abordagem do atual governo “destruiria” os Estados Unidos.

Em uma entrevista com Maria Bartiromo transmitida pela Fox News em 16 de março, Trump lamentou a decisão de Biden de congelar ou reverter várias das políticas de fronteira do governo anterior, incluindo a construção do muro na fronteira sul.

“Minhas políticas estavam funcionando melhor do que nunca na fronteira sul. O muro está quase completo. Tínhamos apenas que consertar pequenas seções – pequenas seções completas – que precisavam estar juntas. Precisávamos deles para fazer os caminhões irem e voltarem de um lado para o outro, mas eles optaram por parar bem no meio”, disse Trump.

“Eles poderiam terminar em um mês e seria simplesmente magnífico”, acrescentou. “Eles deveriam terminar, mas eles estão destruindo nosso país, as pessoas estão chegando às centenas de milhares.”

Trump fez os comentários enquanto o governo Biden enfrentava uma pressão crescente para responder a uma enxurrada de imigrantes ilegais que cruzavam a fronteira. O chefe do Departamento de Segurança Interna, Alejandro Mayorkas, disse em um comunicado na terça-feira (16) que os Estados Unidos agora estão a caminho de encontrar o maior número de imigrantes ilegais na fronteira sul em 20 anos. Milhares de menores desacompanhados são detidos em abrigos e instalações lotadas.

“Crianças pequenas estão entrando, saindo de suas casas e subindo porque acham que vai ser maravilhoso e, francamente, nosso país não aguenta. É uma crise como raramente tivemos e, certamente, nunca tivemos na fronteira. Mas vai ficar muito pior”, disse Trump.

“O que você está vendo agora são números recordes muito ruins, mas vai ficar muito, muito pior com um pouco de tempo, você verá esses números, expandirem-se a um nível como nunca viu antes.”

Biden disse na terça-feira que não planeja visitar a fronteira sul por enquanto. Questionado antes de embarcar no Marine One em Washington se ele tem planos de visitar a fronteira, Biden disse aos repórteres: “Não no momento.”

Nos primeiros dias de sua administração, Biden revogou mais de uma dúzia de políticas-chave de fronteira da era Trump, que haviam em grande parte estancado o fluxo de imigrantes ilegais que cruzavam a fronteira. A reversão da política foi amplamente responsabilizada pelo ressurgimento de travessias ilegais.

“Tínhamos muito poucas pessoas entrando e também interrompemos o tráfico de pessoas. Quando eu disse para parar, eu fiz uma tremenda mudança como nunca antes feita, e também no tráfico de drogas”, disse Trump.

“Então, nós fizemos um monte de coisas, e tudo isso agora está corroído hoje, eles estão vindo, você dá uma olhada, eles estão vindo de todos os países estrangeiros. Vejo que eles estão vindo agora do Iêmen, eles estão vindo do Oriente Médio, eles estão vindo de todos os lugares. Eles estão deixando-os e eles estão despejando em nosso país”, disse Trump.

“É uma vergonha. Eles vão destruir nosso país se não fizerem algo a respeito”.

Fonte: Epoch times

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui