Trump recebe prêmio de “Coragem pela Vida” ao combater o aborto nos Estados Unidos

0
Crédito: Dovulgação

“Ninguém nunca vai me convencer de que o que está no útero da mãe é um monte de células sem sentido”

Fonte: The Christian Post

Um proeminente grupo pró-vida concedeu ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump um prêmio por seus esforços para avançar no combate à prática do aborto. A “Iniciativa Hosea” concedeu oficialmente à Trump seu primeiro Bernard N. Nathanson, MD “Courageous Witness for Life” Award, em uma cerimônia realizada em Washington em dezembro de 2019.

O prêmio recebeu o nome de um profissional médico que fundou a Liga Nacional de Ação pelos Direitos ao Aborto, em 1969, mas depois se tornou um Terry Beatley, fundador e presidente da Hosea Initiative, disse aos presentes na gala que Trump estava recebendo o prêmio porque tinha a “coragem” de defender a “coisa certa”.

O Dr. Ben Carson, secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, aceitou o prêmio em nome do presidente, explicando que Trump queria “expressar sua grande gratidão” pelo prêmio e “pela coragem que cada um de vocês manifestou”.

“Isso é obviamente algo que está muito próximo e querido pelo meu coração, como um médico que gasta tanto tempo trabalhando pelos bebês”, disse Carson, que falou de sua esposa uma vez que conheceu uma mulher adulta na qual ele havia operado enquanto ela estava ainda no útero.

“Agora ela é uma jovem bonita, articulada e completamente independente, e é por isso que ninguém nunca vai me convencer de que o que está no útero da mãe é um monte de células sem sentido”.

Embora ele tenha se identificado como “pró-escolha”, em 1999, Trump obteve forte apoio entre o movimento pró-vida por sua defesa dos nascituros enquanto presidente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui