Trump comemora absolvição do segundo impeachment e dá dicas de futuro político

0

Trump foi absolvido neste sábado (13) no segundo processo de impeachment que enfrentou

Acusado de “incitação à insurreição” no Senado, o ex-presidente americano Donald Trump foi absolvido neste sábado (13) no segundo processo de impeachment que enfrentou.

A votação do Senado encerrou em 57 votos a favor da condenação e 43 contra. Para o impeachment passar eram necessários 67 dos 100 votos do Senado. Sete republicanos se juntaram aos democratas para declarar o ex-presidente culpado.

O resultado significa que Trump pode legalmente escolher concorrer à presidência em 2024, algo que os democratas e alguns republicanos do establishment estavam ansiosos para evitar.

Trump afirmou que os democratas do Congresso perseguiram a contínua “caça às bruxas” porque quase 75 milhões de americanos votaram em sua reeleição.

“Esta foi mais uma fase da maior caça às bruxas da história de nosso país”, escreveu Trump. “Nenhum presidente jamais passou por algo assim.”

Trump é o primeiro presidente a ser alvo de impeachment duas vezes e o primeiro julgado depois de deixar a Casa Branca.

Em fevereiro de 2020 ele foi alvo de impeachment pela primeira vez, a acusação era abuso de poder e obstrução no Congresso.

Trump sinalizou um futuro na política, mas não necessariamente por meio de cargos eletivos.

“Nosso movimento histórico, patriótico e bonito para o Make America Great Again apenas começou”, escreveu ele. “Nos próximos meses, tenho muito a compartilhar com vocês e estou ansioso para continuar nossa incrível jornada juntos para alcançar a grandeza americana para todo o nosso povo.”

Trump agradeceu aos membros do Congresso que defenderam a Constituição e aos cidadãos americanos que o apoiaram durante o processo.

“Também quero transmitir minha gratidão aos milhões de cidadãos decentes, trabalhadores, cumpridores da lei e amantes de Deus e do país que corajosamente apoiaram esses princípios importantes nestes tempos muito difíceis e desafiadores”, disse ele.

Com informações: Terça Livre, Life Site News e Breitbart

Você gostou do conteúdo? Apoie o jornalismo independente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui