Projeto visa restaurar catecismos antigos e esquecidos

0
Bispo Athanasius Schneider fala com LifeSiteNews em Outubro de 2019. Claire Chretien / LifeSiteNews / Divulgação

O bispo Athanasius Schneider abençoou um novo projeto chamado Tradivox, que visa republicar obras catequéticas

Fonte: Lifesitenews

O bispo Athanasius Schneider abençoou um novo projeto chamado Tradivox, que visa republicar as obras catequéticas oficiais dos bispos católicos dos séculos passados, que são um tesouro de fidelidade, mas que em grande parte foram esquecidos.

Pela primeira vez na história, dezenas de catecismos católicos oficiais há muito esquecidos estão voltando a ser impressos, reformados recentemente como séries de vários volumes. Os textos vão desde o século XII até meados do século XIX e foram originalmente publicados e endossados por bispos de todo o mundo.

Iniciado como um esforço de pesquisa de arquivo, o Tradivox – uma combinação inteligente de duas raízes latinas, “tradere” e “vox”, que, quando reunidas, dão sucintamente à missão da organização: “Dar voz à tradição” – rapidamente se transformou em uma espécie de movimento internacional para restaurar o catecismo da Igreja.

Os catecismos há muito servem como exercício do ofício de ensino da Igreja e um meio útil para articular a sã doutrina de maneira concisa e sistemática, especialmente para os leigos.

Quando catalogados e analisados, como a Tradivox fez, eles testemunham de maneira imutável e infalível a natureza da Tradição Católica.

É essa testemunha da natureza atemporal da tradição católica e, finalmente, de sua catalogação e preservação, que levou o bispo Schneider a endossar o projeto Tradivox.

Enfatizando a clareza de pensamento e pureza doutrinária encontrada nos catecismos tradicionais, o Bispo Schneider disse: “Os catecismos tradicionais têm um valor duradouro nos nossos dias, que é marcado por uma enorme confusão doutrinal, que reina na vida da Igreja nas últimas seis décadas, e que atinge o seu auge nos nossos dias.”

“Por isso, saúdo e abençoo o grande projeto do Tradivox de catalogar e preservar as centenas de catecismos católicos há muito perdidos, emitidos com aprovação episcopal ao longo do último milênio. Este projeto mostrará de forma convincente a natureza essencialmente imutável da doutrina apostólica no tempo e no espaço […]”.

O fundador e presidente da Tradivox, Aaron Seng, teve a inspiração inicial para compilar e preservar manuscritos catequéticos durante o discernimento da vida religiosa, como beneditino, em 2005. Seng seguiu o exemplo de séculos de monges que preservaram a doutrina e a cultura católicas em seus mosteiros durante tempos de tremenda agitação.

“Comecei pessoalmente a compilar manuscritos catequéticos no início do pontificado do Papa Bento XVI, enquanto ele repetia continuamente uma necessidade urgente de catequese autenticamente católica na Igreja”, disse Seng ao LifeSite. “Lembro que o papa Bento chegou ao ponto de afirmar que, no período seguinte ao Concílio Vaticano II, ‘a transmissão concreta do conteúdo da fé cristã não foi alcançada’. Naquele momento, eu sabia que precisávamos agir rapidamente para preservar nossa herança catequética. Nos anos seguintes, a Tradivox cresceu para um projeto internacional com a mesma visão.”

Para muitos fiéis que ficaram irritados, confusos ou escandalizados com tanta falsidade e confusão doutrinária no exterior da Igreja hoje em dia, Seng diz: “Veja, você pode fazer algo concreto sobre isso. Você pode nos ajudar a preservar e entregar a Tradição Católica imutável e infalível para a próxima geração.”

Ao oferecer uma coleção acessível e indexada de catecismos tradicionais, a bela continuidade de doutrina encontrada em tais obras pode servir de remédio para a confusão e erro de nosso tempo.

“Dar voz à tradição” com o Tradivox é uma maneira de ajudar.

Entre em contato com a Tradivox para obter mais informações, clicando neste link.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui