Igreja de Nova Zelândia renovará consagração do país a Nossa Senhora da Assunção

0

“Maria tem um lugar especial e sagrado no coração dos católicos e neste tempo de pandemia mundial, decidimos renovar a dedicação de nosso país a ela”, afirmam os Bispos

No próximo dia 15 de agosto, os Bispos da Nova Zelândia se reunirão na Igreja de Santa Maria dos Anjos, localizada na cidade de Wellington, para renovar a consagração do país a Nossa Senhora da Assunção, feita em 1838 por Dom Jean-Baptiste Pompallier.

“Maria tem um lugar especial e muito sagrado no coração dos católicos e neste tempo de pandemia mundial, decidimos renovar a dedicação de nosso país a ela”, afirmou Dom Stephen Lowe, Bispo de Hamilton e secretário da Conferência Episcopal da Nova Zelândia.

Peregrinação de um ícone mariano

Através de um comunicado publicado no site do episcopado neozelandês, é possível ler que, no dia da Assunção, todas as paróquias do país são convidadas a se recolher em oração. Além disso, a partir de maio, um ícone de Nossa Senhora peregrinará por cada uma das seis Dioceses do país.

A peregrinação do ícone mariano será iniciada em Totara Point, no Hokianga, no exato local onde, no dia 13 de Janeiro de 1838, Dom Pompallier celebrou a sua primeira Missa em solo neozelandês e consagrou o país à invocação mariana de Nossa Senhora da Assunção.

Nossa Senhora nos acompanha em tempos difíceis e perigosos

Segundo o Padre Kevin Mowbray, pároco da igreja de Santa Maria dos Anjos, a comunidade se sente honrada e entusiasmada com o anúncio. “A própria Maria foi uma peregrina que acompanhava o filho em tempos difíceis e perigosos. Por isso, é justo pedir-lhe, neste momento da nossa história, com uma nova consagração, que acompanhe a Igreja de Aotearoa Nova Zelândia, pois também ela caminha na Fé com o Senhor”, afirmou.

Inaugurada no ano de 1922, a igreja de Santa Maria dos Anjos se tornou um ponto de referência no centro de Wellington. Atualmente ela é servida pela família dos Padres e Irmãos Maristas, a Sociedade de Maria, uma Congregação fundada na França em 1816.

Fonte: Gaudium Press

Você gostou do conteúdo? Apoie o jornalismo independente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui