‘Guerra biológica’: ex-presidente iraniano diz que o coronavírus foi ‘produzido em laboratórios’

0
Notas de dólar — Foto: Reuters/Dado Ruvic / Divulgação

Mahmoud Ahmadinejad enviou uma carta às Nações Unidas promovendo uma teoria da conspiração

Fonte: washingtonexaminer.com

O ex-presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, enviou uma carta às Nações Unidas (ONU), promovendo uma teoria da conspiração de que o coronavírus é uma arma biológica criada em um laboratório.

O ex-líder bombástico postou uma cópia de sua carta ao secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, na segunda-feira (8). Na carta ele afirmou que o coronavírus é “uma nova arma para estabelecer e/ou manter a supremacia política e econômica na arena global”.

Ele prosseguiu dizendo que a doença tipo gripe, que infectou dezenas de milhares, foi “produzida em laboratórios” pelas “casas de estoque de guerra biológica pertencentes às potências hegemônicas mundiais”. Ahmadinejad, que, durante seu mandato como presidente, promoveu a destruição de Israel, disse que a doença era mais destrutiva do que as armas nucleares e químicas.

O coronavírus afetou particularmente o Irã, aonde mais de 7.000 pessoas foram infectadas e pelo menos 237 morreram. No entanto, esse número foi contestado por acadêmicos e grupos dissidentes que alegaram que poderia haver dezenas, senão centenas de milhares de casos.

A doença semelhante à gripe matou recentemente um dos principais assessores do aiatolá Ali Khamenei e infectou o vice-ministro da Saúde do Irã Iraj Harirchi e Masoumeh Ebtekar, um dos vice-presidentes do país.

Na semana passada, cerca de 10% do parlamento do Irã contraiu o vírus COVID-19, um número que levantou ainda mais dúvidas sobre seus relatórios. Citando dados internos, o Conselho Nacional de Resistência do Irã, um grupo que defende mudanças de regime, afirmou que mais de 2.000 pessoas morreram.

Houve mais de 600 casos confirmados e 22 mortes em todos os Estados Unidos a partir da tarde de segunda-feira. O surto, combinado com a queda dos preços do petróleo, fez com que os disjuntores no mercado acionário parassem as negociações em sua abertura na segunda-feira, com quedas no índice Dow Jones Industrial chegando a cerca de 8% em alguns momentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui