Ciro Nogueira na Casa Civil deve gerar avanço na pauta do voto impresso auditável, cogita relator

0
Luis Macedo | Agência Câmara

Aliados do governo estão confiantes em obter vitória em comissão especial

No entendimento do deputado federal Filipe Barros (PSL-PR, relator da Proposta de emenda à Constituição (PEC) do voto impresso, a entrada de Ciro Nogueira no governo Bolsonaro deve favorecer o avanço do tema no Congresso.

Ele não descarta um cenário de ampla articulação em torno da proposta.

“Essa reforma ministerial feita pelo presidente Bolsonaro certamente pode nos auxiliar, fortalecendo a base no Congresso Nacional”, afirmou.

Barros tem baseado seu relatório em estudos de especialistas em segurança de dados e cientistas, além de assegurar que a tecnologia das urnas brasileiras é ultrapassada.

As urnas conhecidas como Direct Recording Electronic (DRE) foram abandonadas por outros países por falta de confiabilidade técnica, sustenta o parlamentar. Além do Brasil, Bangladesh e Butão utilizam a tecnologia DRE.

“Então eu tenho a convicção de que a gente vai conseguir avançar com essa pauta”, reiterou, na sequência.

E acrescentou:

“Ele [em referência a Arthur Lira] disse que o presidente fez a opção pela política. Então, essa reforma ministerial, trazendo o senador Ciro Nogueira para a Casa Civil, também vai nos ajudar bastante nessa composição”.

Fonte: Conexão Política

Você gostou do conteúdo? Apoie o jornalismo independente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui