Bispo brasileiro denuncia a Nova Ordem Mundial e o “deep state”

0
Dom Adair José Guimarães. Foto: Diocese de Formosa

Homilia do Bispo de Formosa (GO), Dom Adair José Guimarães,  que viralizou na internet

“O mundo hoje é isolado, isolado por uma peste que a gente não tem certeza quanto a sua origem, sabendo-se que a origem dessa peste é muito mais na maldade, do que numa realidade meramente natural. Uma peste que traz na sua garupa todo um descontentamento e divisão na ciência, na política e nos povos.

É um triste momento, aproveitado por essa Nova Ordem Mundial, do “deep state”, dessa tentativa de criar um novo estado, um “estado profundo”, de autocontrole da humanidade, um estado que quer se colocar no lugar de Deus, como sempre foram as tentativas de implantação do sistema marxista, de amordaçar o povo, de tirar a liberdade do povo.

O “deep state”, o “estado profundo”, tem esse propósito, de fazer um Reset, de resetar tudo o que nós temos de cultura, de defesa da vida, de defesa da fé, de defesa da família, de defesa da propriedade privada, de defesa da liberdade, para fazer da sociedade uma sociedade manipulada. E nós estamos já sendo manipulados, com tantas incertezas, com tantas besteiras que vão se fazendo com relação a essa peste, desde o fechamento das igrejas, que foi um absurdo, que clamará a Deus, em cima da vida daqueles que não respeitam o direito de Deus.

Nós estamos vendo aqui e ali autoridades do executivo, do legislativo, do judiciário, querendo fechar as cidades, como aconteceu agora em Búzios, no Rio de Janeiro. É uma vergonha, como está acontecendo em Belo Horizonte, fechar tudo. Como esse governador de São Paulo. São pessoas manipuladoras. Mas o povo não vai abdicar da sua liberdade, de sua fé.

Nós não podemos aceitar que nenhuma autoridade venha com essa lorota de fechar os nossos templos, de fechar as nossas igrejas, de privar a humanidade de dar a Deus o que é de direito de Deus, o louvor.

Eu acho que nós estamos muito fracos, nós bispos, sacerdotes, nos curvando diante desses governadores e prefeitos. Nunca antes na história nós tivemos isso. E nós nos curvamos sem questionar.

Ora, se os bancos podem ficar abertos, se os hospitais estão abertos, se os aviões estão cheios de pessoas, se os comícios os comícios aglomeram tanta gente… Agora, quererem fechar as igrejas?

Não é aqui que o vírus está, o vírus não está no altar, na Hóstia consagrada. E nós, cristãos, não somos filhos do medo, nós somos filhos da coragem. E se nós tivermos que morrer com a peste? Vamos morrer na fé.

Agora, um sacerdote não pode dar unção. Um padre nosso morreu com essa peste sem a unção dos enfermos, porque não pudemos dar a unção dos enfermos. É lamentável os direitos de Deus serem cerceados.

Tudo pela maldade da tentativa da Nova Ordem Mundial de criar o “deep state”, o estado profundo, como eles dizem. Nós não podemos nunca nos curvar diante dos homens. Nós somos chamados, como a Santíssima Virgem, a nos curvar diante de Cristo.”

Fonte: Acidigital

Você gostou do conteúdo? Apoie o jornalismo independente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui