Beatrix von Storch na reunião com Bolsonaro: Coalizão internacional de forças conservadoras

0

Beatrix von Storch enfatiza a importância do Brasil e de Bolsonaro

Em entrevista ao Portal Brasil Livre, Beatrix von Storch explicou as circunstâncias de sua viagem ao Brasil e seu encontro com Bolsonaro. Ela disse que é importante conectar internacionalmente as forças conservadoras a fim de formar um contrapeso para as redes de esquerda.

A entrevista foi feita em São Paulo. É a primeira vez que ela vem ao Brasil. Ficou muito impressionada com o país e o povo brasileiro.

Beatrix von Storch destacou a grande relevância do Brasil no cenário político internacional. É muito importante para a Alemanha manter boas relações entre os dois países.

Daí o motivo de sua visita: ela quer intensificar as relações entre as duas nações.

O encontro entre Beatrix von Storch e o presidente brasileiro Jair Bolsonaro foi muito cordial. Eles tiveram uma conversa aberta e construtiva.

Deve-se ressaltar que eles compartilham valores comuns e que é importante criar uma rede global de movimentos e partidos conservadores. A esquerda está fazendo o mesmo, e por isso, é necessário um contrapeso global conservador correspondente. A reunião com Bolsonaro contribuiu para isso.

Beatrix von Storch explicou que a competição entre as ideias e movimentos conservadores e esquerdistas é global. Isto é evidente em nível político, social e econômico. Na Alemanha, no entanto, esta disputa é particularmente acentuada. A chanceler alemã tem o perfil de esquerda (embora pertença a um partido que outrora foi conservador).

Beatrix von Storch criticou o fato de que as elites econômicas e políticas com seu modo de pensar globalista não levam em conta os problemas das pessoas comuns em seus respectivos países, mas apenas seguem os interesses econômicos dessas elites e suas ideologias esquerdistas.

Um exemplo, disse ela, é a subordinação da política à agenda da ideologia climática, da qual a economia e, portanto, também a sociedade, são vítimas. Os ideólogos do clima são particularmente fortes na Alemanha e podem arruinar o país.

Fonte: Die Freie Welt

Você gostou do conteúdo? Apoie o jornalismo independente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui