Áustria suspende lote de vacina contra covid-19 da AstraZeneca após morte de enfermeira de 49 anos

0
Divulgação.

A mulher morreu como resultado de graves distúrbios de coagulação

Por Thaís Garcia.

As autoridades austríacas suspenderam as vacinações de um lote da vacina contra covid-19 da AstraZeneca como precaução, enquanto investigam a morte após a vacinação de uma pessoa e de efeitos colaterais graves causados em outra, disse uma agência de saúde neste domingo (7), segundo informações da Reuters.

“O Escritório Federal de Segurança nos Cuidados de Saúde (BASG) recebeu dois relatórios em uma conexão temporal com uma vacinação do mesmo lote da vacina AstraZeneca na clínica distrital de Zwettl” na província da Baixa Áustria, disse a agência.

Uma mulher de 49 anos morreu como resultado de graves distúrbios de coagulação, enquanto outra de 35 anos desenvolveu uma embolia pulmonar e está se recuperando, de acordo com informações do relatório.

“Atualmente não há evidências de uma relação causal com a vacinação”, diz o BASG.

O jornal austríaco Niederoesterreichische Nachrichten, bem como a emissora ORF e a agência de notícias APA, relataram que as duas mulheres eram enfermeiras que trabalhavam na clínica Zwettl.

O BASG disse que a coagulação do sangue não estava entre os efeitos colaterais conhecidos da vacina. O escritório estava conduzindo sua investigação vigorosamente para descartar completamente qualquer ligação possível.

“Como medida de precaução, os estoques restantes do lote da vacina afetada não estão mais sendo enviados ou usados para vacinar”, acrescentou.

A AstraZeneca disse que estava em contato com as autoridades da Áustria e que apoiaria totalmente a investigação.

Fonte: Conexão Política

Você gostou do conteúdo? Apoie o jornalismo independente!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui