Alemanha: migrante muçulmano estupra menina de 11 anos de idade, é libertado, e após um mês estupra menina de 13 anos

0

Segundo as autoridades alemãs o afegão não foi considerado um risco

Em 20 de junho, um afegão estuprou uma menina de onze anos em Dortmund, uma cidade da Alemanha localizada no estado da Renânia do Norte-Vestfália. Em 24 de julho, o mesmo afegão atraiu uma menina de 13 anos para um corredor e também a estuprou.

O homem foi pego logo após o primeiro crime, mas foi libertado em 3 de julho após apenas doze dias. Motivo: ele não foi considerado um risco.

Segundo o promotor Börge Klepping, “Ele já havia comparecido por um crime relacionado a narcóticos, mas não em conexão com crimes sexuais. Ele tem um local de residência permanente e, portanto, não havia motivos para manter o refugiado.”

Em 24 de julho, o afegão, que tem uma autorização de residência temporária, atraiu uma menina de 13 anos para um corredor e também a estuprou. Como a garota fez uma boa descrição do agressor, ele foi pego na noite do dia seguinte.

De acordo com o promotor Klepping o estuprador “está sob custódia por abuso sexual grave e estupro”.

Ninguém pode culpar as autoridades alemãs por isso, certo? Detê-lo por mais tempo após o primeiro estupro teria sido “islamofóbico” e, no que diz respeito às autoridades alemãs, esse é o crime, não o estupro, que deve ser evitado a todo custo.

Fonte: jihadwatch.org

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor registre seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui